5 razões pelas quais você precisa de um sistema fotovoltaico

5 razões pelas quais você precisa de um sistema fotovoltaico

A sua conta de energia está cara? Você já sofreu com apagões?

Saiba que você não está sozinho! Não é segredo para ninguém que a matriz energética brasileira está enfrentando um momento de crise. Como reflexo, fontes alternativas como a energia solar estão sendo cada vez mais procuradas pelos consumidores.

Além de ser um investimento seguro, a geração utilizando um sistema fotovoltaico é rentável e tem se consolidado como tendência no mercado nacional. Se você ainda tem dúvidas sobre realmente precisar de um sistema fotovoltaico, veja nos tópicos abaixo 5 fatos que podem te convencer a fazer esse investimento!

1. As Bandeiras Tarifárias são imprevisíveis

Apesar da metodologia de cobrança da conta de energia não ter se modificado, com o Sistema de Bandeiras Tarifárias a imprevisibilidade do preço da energia por kWh ficou evidente.

A Bandeira Tarifária só é divulgada ao final de cada mês, após a coleta de informações sobre a situação atual da capacidade de geração de energia no país por parte do Operador Nacional. Esse resultado, por sua vez, dependerá de fatores climáticos cada vez mais difíceis de prever.

Isso prejudica o planejamento, pois alterar os hábitos de consumo  e a necessidade energética de uma unidade é um processo demorado, e com a mudança nas tarifas as rotinas podem se tornar muito mais caras de um mês para o outro. Assim, seja em uma empresa, residência ou em uma propriedade rural, é fundamental poder prever com assertividade qual será o gasto com energia.

2. O sistema de geração energética atual é insustentável

Com a crise climática atual e as dificuldades de planejamento do nosso país, as oscilações na capacidade de geração de energia têm se tornado cada vez mais drásticas. A razão disso é que a matriz energética do Brasil se baseia em quase 60% na geração hidrelétrica.

Por essa razão, a falta de água nos períodos de seca tem comprometido a capacidade de geração de energia em nível nacional. 

No caso da matriz hidrelétrica, tem ficado gradativamente mais evidente que a relação custo/benefício da implantação de usinas desse tipo não compensa mais. O modelo da matriz energética brasileira está defasado e fragilizado, tanto em razão de mudanças climáticas quanto em relação ao planejamento do setor elétrico.

O reflexo disso é o aumento na conta de energia. Temos testemunhado incrementos muito significativos em intervalos pequenos de tempo, e esse fato não deve se alterar no curto prazo.

O motivo da conta de energia encarecer pode ser explicado pelo tipo de fonte alternativa adotado pelo país: as termoelétricas. Essa forma de geração faz parte do sistema energético nacional, e é acionada quando a fonte primária não consegue suprir a demanda num determinado momento.

O problema é que essas termoelétricas, além de altamente poluentes, têm um custo de acionamento cerca de 5x maior que o das hidrelétricas, e esse custo é repassado ao consumidor.

Ainda, em 2009 o Brasil ratificou seu compromisso com a redução na emissão de Gases de Efeito Estufa, os GEE. Por esse motivo, o país vem se esforçando para substituir suas fontes alternativas de energia por outras mais sustentáveis, como a energia eólica e, mais recentemente, a energia solar.

Porém, em razão das crises políticas, econômica e financeiras, os programas de reformas de infraestrutura têm sido negligenciados. Com isso, o panorama da geração de energia se tornou incerto, convidando o consumidor a assumir o investimento em sua própria geração de energia, especialmente a partir de um sistema fotovoltaico.

Com a implantação de um sistema desse tipo, a primeira boa notícia que você receberá será em sua conta de energia. O valor a ser pago é reduzido significativamente, tornando os sistemas de geração distribuída não apenas sustentáveis, mas também rentáveis.

3. O sistema fotovoltaico é um investimento de excelente retorno financeiro

Como se pode ver, a crise energética no país vem se arrastando há muitos anos. Os investimentos públicos nessa área oscilam de governo para governo, e são interrompidos ou suspensos em épocas de crise.

Por isso, adquirir um sistema de geração fotovoltaica é mais do que uma solução, é um investimento. Hoje, é possível investir em energia fotovoltaica sem fazer nenhum desembolso, pois já existem linhas de financiamento com taxas de juros atrativas, que permitem que a parcela do financiamento seja muito próxima da economia que o sistema gera.

Diversas linhas de crédito foram disponibilizadas através dos bancos, tais como o Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e BNDES. De forma semelhante, foram definidos os equipamentos que podem ser financiados, bem como linhas específicas para empresas e pessoas físicas.

Na prática, é como se o sistema pagasse a si mesmo. Além disso, desde 2015 a energia gerada por sistema fotovoltaico é isenta da cobrança do ICMS, ao contrário da energia elétrica distribuída pelas concessionárias. Em decorrência disso as análises de investimento em sistema fotovoltaico têm resultados excelentes, especialmente no caso de empresas que têm um custo fixo alto com energia elétrica.

Já é uma realidade comparar o investimento em energia solar com fundos de renda fixa, por exemplo, e em diversas análises o primeiro sai em vantagem por ter vida útil superior ao tempo de retorno, permitir o aproveitamento da energia produzida em excesso e valorizar o imóvel em que é instalado.

4. Você ganha previsibilidade de gastos

Com um sistema fotovoltaico é possível prever o seu custo com energia por mais de duas décadas! Isso porque o sistema tem garantia de 25 anos, e sabendo o quanto o seu sistema pode produzir, é bem simples projetar o quanto será pago à concessionária de energia.

Infelizmente não é possível estar 100% livre da conta de energia, pois ainda que o consumo seja zerado, ainda serão cobrados os custos de disponibilidade e os impostos locais que incidem sobre a conta. Mas, gerando energia suficiente para suprir a sua necessidade, você paga apenas esses custos – que são bastante inferiores à sua conta atual, com certeza!

Outro ponto favorável é a possibilidade de obter créditos de energia com o excedente da sua geração própria. Uma vez implantado o sistema fotovoltaico em sua residência ou empresa, a energia gerada retorna para o sistema público por meio do medidor de energia instalado pela concessionária.

Esse medidor é capaz de quantificar a diferença entre o que foi produzido e o que foi consumido. Se houver excedente, ou seja, energia não consumida, a concessionária gera um crédito de energia para você ou para sua empresa. A cada 1kWh excedente, você recebe 1 crédito de kWh para consumir quando seu sistema fotovoltaico não estiver gerando energia suficiente, como em períodos noturnos.

As regras para a concessão de créditos de energia são regidas pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) e variam conforme região e classe de consumo (residencial comercial ou industrial).

5. O sistema fotovoltaico valoriza seu imóvel

Nos Estados Unidos, onde o uso de Geração Distribuída já ocorre há mais de vinte anos, um estudo demonstrou que a presença de um sistema fotovoltaico valoriza o imóvel, agregando valor no momento da venda.

O motivo é simples: como o adquirente do imóvel economizará significativamente com contas de energia posteriormente, nada mais justo do que pagar um pouco mais caro pelo custo envolvido na implantação do sistema fotovoltaico. Ao ser realizado um balanço, o investimento inicial é compensado rapidamente.

Assim, além de ser uma fonte de energia virtualmente inesgotável, o sistema fotovoltaico de geração de eletricidade oferece ao consumidor a possibilidade de controlar sua segurança energética, além de ser um investimento seguro e rentável.

Solicite um orçamento e veja como a SolarVolt pode ajudar você a economizar na conta de energia agora mesmo!

SolarVolt Energia
SolarVolt Energia

Empresa especializada em Energia Solar


3 Respostas a “5 razões pelas quais você precisa de um sistema fotovoltaico”

  1. Wagner disse:

    Quero por enviar solar poço para bombear água boba de 1 CV entre entre contato para orçamento

  2. Argentino Prates disse:

    Vou tirar a foto da minha conta de energia….Mas tenho e pretendo instalar energia solar tanto na chácara, quanto na minha casa em Salinas, Total de gastos em energia\\\\\\\\\\; média 300,00.

    1. SolarVolt Energia disse:

      Olá, Argentino! Muito obrigado por seu comentário! É possível instalar um sistema fotovoltaico em uma das localidades e gerar energia suficiente para abastecer tanto a chácara quanto a casa de Salinas. Mande um e-mail para a gente em [email protected] para saber mais. Estamos esperando seu contato!

Deixe um comentário

SAIBA MAIS SOBRE
ENERGIA SOLAR

Receba nossos e-mails com conteúdo sobre energia solar.