Aliança Internacional da Energia Solar (ISA) quer otimizar produção em países mais ensolarados

Aliança Internacional da Energia Solar (ISA) quer otimizar produção em países mais ensolarados

Se falamos há pouco sobre a importantíssima novidade que Bill Gates anunciou na COP-21, agora é a vez de dar atenção à ISA, sigla para Aliança Internacional da Energia Solar. A proposta da organização é “levar a energia solar para nossas vidas, nossas casas, tornando-a mais barata, mais confiável e mais fácil para ser conectada à rede”, declarou Narendra Modi, primeiro ministro da Índia, país que toma frente na coalisão ao lado de outras 120 nações.

A iniciativa é formada pelos países que mais recebem luz solar. Alguns deles, entre os trópicos de Câncer e Capricórnio, chegam a ter 300 dias de sol por ano.

O presidente da França, François Hollande, anfitrião da 21ª Conferência do Clima, que acontece em Paris, comentou que pretende “realizar esforços conjuntos e inovadores com o objetivo de reduzir os custos de financiamento e tecnologia para uma utilização imediata de ativos solares competitivos”, informa o UOL Notícias.

A Aliança tem como objetivo facilitar a produção de eletricidade em países mais ensolarados, com a Índia encabeçando o projeto. Por lá, a intenção é produzir 100 gigawatts de capacidades solares em 2022. Atualmente, a capacidade instalada é de 4GW.

SolarVolt Energia
SolarVolt Energia

Empresa especializada em Energia Solar


Deixe um comentário

SAIBA MAIS SOBRE
ENERGIA SOLAR

Receba nossos e-mails com conteúdo sobre energia solar.