5 Exemplos De Empreendimentos Abastecidos Por Energia Solar

5 Exemplos De Empreendimentos Abastecidos Por Energia Solar

Nesse momento em que o mundo busca soluções para o desenvolvimento econômico que garantam a sustentabilidade para as gerações futuras, a questão ambiental está sempre no centro das discussões. 

Por isso, a energia solar está tão em voga nos últimos anos e dá sinais de crescimento. A busca por fontes renováveis de energia tem crescido no Brasil e no mundo. Isso se deve, à necessidade crescente de energia que a vida moderna e a evolução dos processos produtivos nos impõe. 

Nos últimos anos, a tecnologia de energia fotovoltaica evoluiu muito, podendo ser utilizada em projetos de diferentes perfis. Da residência unifamiliar a grandes fábricas, fazendas e indústrias de diversos tipos, já é possível se beneficiar da energia solar para o abastecimento de eletricidade.  

Neste post, veja como a energia solar é uma alternativa econômica e sustentável para empresas de diferentes áreas. Vamos explorar os seguintes pontos: 

  • O que é energia solar? 
  • Vantagens e desvantagens da energia solar
  • Exemplos de propriedades movidas a energia solar 

Preparado para se surpreender? Então boa leitura!

O que é energia solar?

Energia solar é a energia produzida a partir da captação da radiação do sol. É uma energia 100% limpa, porque não gera resíduos para o solo, a água ou a atmosfera. Além disso, é renovável, porque aproveita o que já está disponível na natureza, sem degradar o ambiente. 

Por usar uma fonte totalmente renovável e praticamente inesgotável, a energia solar é um enorme potencial a ser explorado. No Brasil as condições são muito favoráveis. O Sol está presente praticamente todos os dias do ano em todas as regiões.

Energia solar: como funciona?

O sistema usa painéis solares para captar a luz do Sol e gerar eletricidade. Os painéis, constituídos por células de silício, geralmente são instalados sobre telhados, q

uintais, coberturas e estacionamentos. Quando expostos ao Sol, eles geram correntes elétricas contínuas, convertidas pelo inversor

solar para correntes alternadas, e a energia é distribuída para a residência ou empresa.

O tipo mais comum de sistema é interligado à rede local. Um medidor bidirecional controla a entrada e saída da energia. Quando não tem sol, a energia da rede abastece a unidade consumidora. Quando há sobra de energia, o excedente é enviado para a rede, gerando créditos que depois são descontados para abater o uso de energia da rede.

Vantagens e desvantagens da energia solar

Além do inegável benefício ambiental de se obter energia a partir de uma fonte limpa, renovável e silenciosa, a energia solar fotovoltaica tem vantagens econômicas e sociais. 

Desde 2012, quando entrou em vigor a Resolução Normativa nº 482 da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), o consumidor brasileiro pode gerar sua própria energia elétrica a partir de fontes renováveis.

A micro e minigeração distribuída de energia elétrica permitiu a descentralização do sistema. A energia é gerada na própria casa ou empreendimento do consumidor.

Vantagem: Autonomia

Uma das grandes vantagens do sistema solar fotovoltaico é a autonomia para o consumidor. No caso de um sistema com baterias, por exemplo, o cliente pode garantir o suprimento de eletricidade, independente do sistema das redes tradicionais de distribuição. 

Segundo a ANEEL, mais de dois terços da energia elétrica do Brasil são produzidos por usinas hidrelétricas. Condições climáticas como a falta de chuvas, por exemplo, afetam o nível dos reservatórios com consequências no abastecimento. 

Vantagem: Previsibilidade de custos

A energia elétrica do Brasil é uma das mais caras do mundo. Dados da ANEEL indicam que os tributos cobrados na fatura mensal podem chegar a 56% do valor da conta. É um custo fixo elevado e cada novo aumento pesa ainda mais no orçamento.

Produzindo sua própria energia, o consumidor se livra dos aumentos de tarifa e passa a ter controle sobre o custo de sua energia, podendo ter uma redução de até 95% na conta de luz. 

Vantagem: Compensação 

Outra vantagem da geração distribuída de energia solar é que o sistema possibilita a compensação de energia. A energia produzida e não utilizada na unidade é injetada na rede distribuidora. 

Esse excedente se transforma em crédito para o consumidor obter desconto na fatura mensal. Esse crédito tem validade de cinco anos e também pode ser usado para abater o valor da conta de luz de outra unidade consumidora do mesmo titular. 

Além de retorno em forma de crédito, o excedente de energia gerada pelos consumidores que aderem à estratégia beneficia outras pessoas. Essa energia injetada no sistema nacional amplia a oferta, dando mais confiabilidade ao sistema, e consequentemente provocando menos quedas de energia. 

Desvantagem: Clima afeta a produção

Esta não é uma característica da energia solar, mas daquelas consideradas alternativas. A energia obtida a partir de fontes renováveis como o vento, a água e a luz solar está sempre sujeita às condições climáticas. A imprevisibilidade da natureza é um fenômeno que pode afetar a produção. 

Quando não há vento, incidência da luz do sol e água nos reservatórios das hidrelétricas, que acionam os sistemas de geração, não é possível produzir energia para abastecer a população. 

Desvantagem: Investimento inicial 

Outro ponto a ser considerado é o investimento inicial para a instalação de um sistema solar fotovoltaico. Apesar de um grande barateamento da tecnologia nos últimos anos, o montante necessário para a instalação ainda é significativo. 

Para contornar isso, existem boas linhas de financiamento de sistemas fotovoltaicos, com condições bem interessantes. Além disso, o payback do investimento é de três a cinco anos depois da instalação, devido à grande economia com a conta de energia elétrica. 

Exemplos de propriedades movidas a energia solar

1. Energia solar na construção civil: condomínios solares

Inovações que trazem soluções eficientes são determinantes no sucesso nos negócios. Na construção civil, a sustentabilidade hoje é um item que agrega valor. Por isso, diversas empresas estão integrando a energia solar em seus projetos.

O sistema de energia solar proporciona redução de cerca de 80% no gasto com eletricidade na área comum de condomínios. Os painéis podem ser instalados no telhado ou em áreas próximas, desde que não tenham obstáculos ou sombreamentos no local. 

A energia solar em condomínios permite também o compartilhamento. Diversos condôminos podem se unir e produzir energia para os moradores através de um Empreendimento de Múltiplas Unidades Consumidoras (EMUC), modalidade homologada pela ANEEL. 

No vídeo abaixo, veja o exemplo de um condomínio que já aproveita a energia solar: 

2. Energia solar na indústria

Uma das principais fontes energéticas da indústria é a eletricidade. Os gastos com esse item representam entre 15 e 40% das despesas fixas e têm um grande peso no custo final da produção.

No Brasil, a média histórica de aumento da tarifa de energia elétrica é de 9,6% ao ano, bem acima da inflação. Nesse contexto, investir em energia solar é uma das alternativas para reduzir custos e tornar os produtos mais competitivos.

Gerando a própria energia com um sistema fotovoltaico, a empresa passa a ter um custo mensal fixo. Se o sistema atender toda a demanda da unidade, a conta de luz pode reduzir até 85%. O sistema é modular e pode ser expandido de forma simples. 

É importante lembrar que utilizar fontes alternativas de energia agrega valor ao produto e à imagem da empresa. Os consumidores estão cada dia mais focados em sustentabilidade.  

Projeto de energia solar fotovoltaica da SolarVolt Energia desenvolvido para a empresa Clamper

Foto: SolarVolt Energia

3. Energia solar na pecuária do leite

A energia fotovoltaica tem crescido no Brasil não apenas nas cidades, fornecendo eletricidade para residências, comércio e indústria, mas também no campo.

Proprietários rurais buscam alternativas para reduzir custos e melhorar a lucratividade. Na pecuária de leite, por exemplo, o gasto com energia representa cerca de 10% do custo de produção.

O maior consumo de energia é na área de produção de leite, que engloba a ordenha, o resfriamento dos tanques e o beneficiamento. Por isso, a instalação deve ser projetada para dar suporte total à área.

A energia solar é uma solução estratégica para diminuir a conta de energia e melhorar a competitividade. Espaço para a instalação dos painéis certamente não vai faltar, e a economia na conta de luz será significativa. 

4. Bares e restaurantes com energia solar

Em tempos de crise econômica, a redução de gastos é fundamental para o equilíbrio das contas. E um dos itens que custa caro para bares e restaurantes é a conta de energia. 

Equipamentos da cozinha, como freezers, geladeiras, e o ar condicionado para conforto dos clientes têm um consumo alto, mas são essenciais para a atividade.

A energia solar fotovoltaica é uma excelente alternativa para reduzir a conta de luz desses estabelecimentos, melhorando a lucratividade do negócio. Além disso, a energia não consumida pode se transformar em crédito na fatura mensal. 

5. Resort movido a energia solar

Uma das principais matérias-primas do setor turístico são os recursos naturais. O setor depende fundamentalmente da preservação do ambiente para manter suas atividades. 

Reciclagem, tratamento de efluentes, preservação da fauna e flora, descarte correto de resíduos e outras ações sustentáveis têm que estar no radar para garantir a sobrevivência dos empreendimentos. 

Nesse contexto, a geração de energia solar fotovoltaica é uma opção econômica e sustentável de fornecimento de energia elétrica. 

No Brasil, poucos resorts já utilizam essa fonte energética. Mas nos Estados Unidos, empreendimentos estão migrando para a energia solar pelos benefícios econômicos e ambientais.

Em diversos outros países, projetos têm incorporado essa solução tecnológica em belíssimas e modernas construções que inclusive utilizam os painéis também como elementos de destaque arquitetônico. 

A SolarVolt é uma empresa 100% brasileira com ampla experiência no planejamento e na implementação de projetos de energia fotovoltaica para diferentes perfis de clientes. Seja você responsável por uma construtora e incorporadora, proprietário de uma fazenda, um hotel, bar, restaurante ou outro tipo de negócio, temos certeza de que conseguimos atender a sua demanda de uma forma personalizada e com excelência. 

Em quase 10 anos de experiência, reunimos um portfólio com 1.500 projetos homologados, totalizando 60.000 kWp instalados. Nossa equipe é formada por profissionais qualificados, sempre atualizados sobre as novidades do mercado e sobre a regulamentação vigente no setor. 

Peça o seu orçamento e leve o futuro da energia para o seu empreendimento já! 

Revisado por

SolarVolt Energia
SolarVolt Energia

Empresa especializada em Energia Solar


Deixe um comentário

SAIBA MAIS SOBRE
ENERGIA SOLAR

Receba nossos e-mails com conteúdo sobre energia solar.