Fazenda Solar: Tudo o que você precisa saber

Fazenda Solar: Tudo o que você precisa saber

O que é uma Fazenda Solar?

Você já deve ter ouvido falar sobre Fazenda Solar. Essa forma de geração de energia solar fotovoltaica está cada vez mais em evidência. Ela permite que consumidores economizem energia sem ter necessariamente que investir num sistema próprio. Hoje as fazendas solares já estão presentes no Brasil, sendo que a maior da América Latina está localizada no Piauí!

A Fazenda Solar não é necessariamente construída em propriedades rurais, ao contrário do que possa parecer. Na realidade, trata-se de uma Usina Solar Fotovoltaica de grande porte, instalada em uma região com condições ideais para a geração de energia solar fotovoltaica. A Usina Solar é conectada à rede de energia, e passa a gerar energia elétrica que pode ser aproveitada por vários consumidores.

Isto porque a energia produzida é transformada em créditos, que podem ser aproveitados em qualquer lugar.  A partir daí é possível adquirir cotas de energia produzida pela Fazenda Solar, que permite que os créditos sejam aproveitados para reduzir a conta de energia de clientes remotos.

Mas como funciona?

Tudo começa com a escolha de um local de grande insolação para otimizar a eficiência, geralmente em grandes áreas rurais. Nessas áreas são instaladas milhares de placas solares fotovoltaicas, que serão partes integrantes de uma grande Usina de energia solar fotovoltaica, com potência suficiente para fornecer energia elétrica para várias unidades consumidoras. A energia elétrica gerada na Fazenda Solar será transmitida para a rede pública de distribuição, que irá registrar a energia fornecida e transformá-la em créditos.

A partir do momento em que se inicia a geração de energia, é possível adquirir cotas da fazenda solar. Ou seja, o consumidor “aluga” lotes da fazenda solar que correspondam a créditos de energia elétrica suficiente para suprir o gasto energético do cliente. Ao final do mês, a distribuidora calcula a diferença entre o consumo e os créditos que aquele consumidor possui. Assim, o sistema gera economia no valor pago mensalmente com energia.

Este “aluguel” passa pelas normas de Geração Compartilhada definidas pela ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) na Resolução Normativa 687/2015. Essa resolução estabelece os critérios para que as redes de mini e microgeração se conectem à rede elétrica.

Geração Compartilhada

A Geração Compartilhada permite que um grupo de consumidores se reúna para criar uma fazenda solar. Desse modo cada um recebe uma parcela da energia gerada proporcional à fração correspondente ao investimento de cada um. Esse grupo de consumidores pode se reunir através de um Consórcio ou de uma Cooperativa.

O consórcio é uma figura jurídica que permite que diferentes empresas (pessoas jurídicas) se associem para compartilhar energia. Já no caso de uma Cooperativa, são necessárias no mínimo 20 pessoas físicas e/ou jurídicas que tenham como propósito cooperar voluntariamente entre si. Essas pessoas financiam ou alugam uma usina fotovoltaica e posteriormente dividem os créditos gerados por ela. Assim, pessoas físicas também podem se beneficiar de uma Fazenda Solar.

Em ambos os casos é necessário que os participantes sejam atendidos pela mesma distribuidora para que os créditos sejam compensados.

Vantagens e desvantagens da Fazenda Solar

Uma das principais vantagens de aderir a um plano de assinatura de uma fazenda solar é não precisar instalar uma usina de energia solar fotovoltaica local. Assim, não há preocupação com a manutenção do sistema e dos equipamentos.

Além disso, não é necessário fazer um grande investimento inicial. Vale destacar a economia, que pode chegar a 15% do valor da conta de energia, e a preservação do meio ambiente, uma vez que a energia solar fotovoltaica é limpa e renovável.

Por outro lado, a economia é consideravelmente menor do que em uma instalação de um sistema solar fotovoltaico próprio. Nesse caso a redução pode chegar a 95%. Além disso, na Fazenda Solar o valor pago mensalmente pode vir a sofrer alterações, dependendo do plano de assinatura.

Com uma usina fotovoltaica própria, o consumidor tem o controle e uma maior previsibilidade dos gastos com energia.

O que achou desse modelo de fazendas solares? Quer saber mais sobre essa e outras formas de aproveitar a energia do sol?Consulte um de nossos especialistas para saber como gerar sua própria energia pode te ajudar!

SolarVolt Energia
SolarVolt Energia

2 Respostas a “Fazenda Solar: Tudo o que você precisa saber”

  1. Olá, João! No trecho “a redução pode chegar a 95%”, estamos nos referindo à redução da conta de energia. Assim, a economia pode chegar a 95%, ok? Caso tenha dúvidas, entre em contato que teremos prazer em esclarecer! Um abraço

  2. Avatar João Batista de Oliveira Silva disse:

    “Por outro lado, a economia é consideravelmente menor do que em uma instalação de um sistema solar fotovoltaico próprio.
    Nesse caso a redução pode chegar a 95%.”
    Isso significa que a economia é de apenas 5%? 100 (-) 95 = 5. É isso ? Talvez eu não tenha entendido o raciocínio.
    Por favor, me esclareça.]
    Obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SAIBA MAIS SOBRE
ENERGIA SOLAR

Receba nossos e-mails com conteúdo sobre energia solar.